Translate

23 fevereiro, 2014

"L I T E R A T U R A N D O"

Drummondando-se 
Fernandando-me 
Clariceando cá 
Mariando lá
Bandeirando aqui. 

Estou a Carpinejar
No meu Sabino Quental 
Colhendo orquiLygia Telles
Brincando de subir nos ipês com Rubem Alves
Para cair em Barros 
Até o entardecer de Beauvoir's
Que gostam de Dostoiévski 
Concordam em partes com Nietzsche
Riem mas também percebem a depressão de Bukowski
Bebem Kafka 
Beijam Bocage
Filosofam com Saramago 
E apaixonam-se pelos contos de um Machado.

Ahhh...que no final do dia Seu Vinícius me chama 
E a Florbela me Espanca. 

Mas eu fujo para os braços de um gentil Graciliano 
E por fim adormeço 
Para sonhar com Augusto dos Anjos 
E falar com Quintana.

2 comentários:

  1. Nandoca toda essa alegria anda rendendo bons textos, isto é fato. No entanto, esse texto ficou lindo de humilhar. Ando Fernandando-me e adoro quando fico a colher orquiLygias são espetaculares suas cores!
    P.S.: Menina.

    ResponderExcluir
  2. rsrsrs....gosto de aquarela, é vero minha menina, obrigada!!!

    ResponderExcluir