Translate

01 dezembro, 2013

O AMANTE DO BUKOWSKI

Trepar, comer e foder

Caos no mundo

Amor não correspondido

Problemas na família

Paisagens, mulheres e viagens

Beber e beber

Sim, cerveja

Mas você veja

Estas são as palavras chaves

Dos textos daquele cara

Cara estranho

Divertido, sarcástico

e

Um belo de um filho da puta

Sim, filho da puta como ele mesmo disse

Porque toda vez que marcava um encontro consigo mesmo

Ele não ia

Nunca dava certo

O carro enguiçava

As avenidas ficavam interditadas

Dava enchente , tiroteio

E até gente morta

Outras ficavam  feridas ou machucadas

Assim como ele e suas cicatrizes

Mas disfarçava bem em suas gargalhadas

E o que se passava era muito além do que a última transa

ou a partida de ex-namoradas

A verdade era o vazio

Completo vazio

Que ele tentava compreender

Que ele tentava preencher

Mas quem sabe num dia desses

De repente

Ele vire a página de vez

E se encontre para se perder

E se perca para se encontrar.

2 comentários:

  1. Olha só quem voltou por aqui!! =D

    Muito bom o texto Fe, não tem nem o que comentar. voltou inspirada! rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem nem o que comentar é??rsrs, deixa pra lá !!!

      Se os textos estão bons, bem...isto é outra questão, mas, voltei inspirada sim, e muito, haha... o tempo transforma!!!

      Valeu Cá ^^'

      Cadê os seus textos?? ham....

      Excluir