Translate

07 dezembro, 2013

GIZ PASTEL SECO


Giz pastel

Nas folhas de canson

Desenhos que emitem sons

Contornam os dedos do coração
 

O toque

Grave

E suave

Da expressão do rosto


A margem feita de um abraço
 
Na calçada do jardim da minha casa

Não cimentada, é claro.


Giz pastel
 
Criou uma árvore

Um balanço

Uma cabana perto do lago sul

E fez ver

Bichos no mato 

Frutas caídas
Gente na rede             
Comendo uva 
 
Ah giz pastel
O senhor é um mago?
O que és?
Parece varinha na mão de alguém
Ou o pó que constrói magia no papel.
 
Ah...meu giz pastel !
 
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário