Translate

09 junho, 2012

"QUADROS"

 
Desenhos são engenhos 
 
Asas de pássaros com empenho 
 
Que partem do galho em nevoeiro 
 
Carregam surpresas no horizonte 
 
E deixam presentes a céu aberto 
 
Como as nuvens que fazem figuras de algodão 
 
São eles que falam sem palavras 
 
Constroem imagens pela visão 
 
Traços e pontos já possuem destinos 
 
Projetos aguardam repercussão 
 
As pinturas acompanham molduras 
 
Para o conteúdo da reflexão.

2 comentários:

  1. Cara escritora,

    Este novo poema é de extremo bom gosto!
    Parabéns!
    Não consegui resistir e fui homenagear

    Muitas vezes são pesados,
    Guardam calados,
    Suas reais intenções...

    ResponderExcluir
  2. Palavras pinceladas na moldura de pensar...

    Muito bom!

    ResponderExcluir